Sobre Nós

foto faenol

Criada em 28 de junho de 1983, a Fundação de Atendimento Especializado de Nova Lima – Faenol -, realiza um trabalho abrangente na área de atendimento especializado à pessoa com deficiência. Sua equipe multidisciplinar, composta por profissionais das áreas de medicina, enfermagem, odontologia, serviço social, psicologia, pedagogia, fonoaudiologia, fisioterapia e terapia ocupacional, tem como objetivo primordial a inclusão, valorização de potencialidades e de especificidades, reconhecimento e valorização da diversidade humana.

Assegurar o atendimento à pessoa com deficiência, com qualidade e espírito inovador, buscando o aprimoramento das técnicas utilizadas e favorecendo a autonomia e bem estar do usuário.

Ser referência em Minas Gerais no atendimento a pessoa com deficiência e na transmissão de saberes relacionados ao tema.

Respeito, ética, compromisso social, valorização da diversidade humana, interdisciplinaridade.

Objetivos:

Promover a habilitação e a reabilitação, prestando atendimento especializado as pessoas com deficiência;

Orientar e assessorar seus beneficiários e familiares acerca dos direitos de cidadania da pessoa com deficiência;

Criar e manter oportunidades educativas para treinamento, aperfeiçoamento, especialização e qualificação de profissionais para o atendimento às pessoas com deficiência;

Articular-se com entidades públicas e privadas, nacionais e estrangeiras, na formulação, coordenação e/ou execução de programa e serviços de atendimentos à pessoa com deficiência;

Prestar serviços de consultoria e assistência técnica às entidades públicas e privadas, nacionais e estrangeiras, que atuem no atendimento da pessoa com deficiência;

Promover estudos, pesquisas e levantamentos atinentes aos problemas enfrentados pela pessoa com deficiência e às formas de seu atendimento;

Promover a profissionalização da pessoa com deficiência, encaminhando-a para atividades produtivas no  mercado competitivo ou em oficinas protegidas;

Manter registro das entidades públicas e privadas que atuem no atendimento da pessoa com deficiência;

Implementar  tratamento clinico/terapêutico especializado,  através da avaliação e estimulação precoce, com o objetivo de  eliminar, controlar ou  atenuar a deficiência e seu grau de dependência;

Realizar um trabalho permanente de conscientização da sociedade sobre as potencialidades da pessoa com deficiência e pugnar pelos seus direitos, principalmente quanto ao direito à educação, ao trabalho e à igualdade de oportunidades;

Dar orientação comunitária e familiar atinentes à deficiência e às formas do seu atendimento;

Promover reuniões, encontros, simpósios, seminários ou congressos nacionais ou internacionais, para estudo e discussão sobre as questões envolvendo a pessoa com deficiência.